sábado, 2 de outubro de 2010

AS FLORES ESTÃO VOLTANDO? João Justiniano

AS FLORES ESTÃO VOLTANDO?




As flores estão voltando,

mês de setembro, é verdade...

Os jovens estão amando,

E eu o quê? - Sinto saudade...



Abre-se o sol. Manso, brando,

desponta a felicidade...

O tempo roda cantando,

e eu conto a triste saudade....



É setembro, a primavera

vem logo mais, muda a era,

brotas flores, nos rosais...



E eu aqui, Deus louvado,

Na idade desconsolado,

Esperando o quê? Que mais?



II



Conto o tempo como o tempo

conta a vida indefinido...

É um contar dolorido

porque se conta em destempo...



Meu mundo passou... Perempto

deixou o ontem vencido.

O amanhã? Não tem sentido

o meu amanhã de tempo...



Quem fecha, gente, os noventa,

aguenta, por que aguenta,

sorrindo pra não chorar!



O consolo, a mim, por Deus,

é este poema que os meus

noventa sabem cantar...



III



Adeus, adeus ilusões,

Se eu, setembros vir a mais,

não os verão meu cabedais

de sonhos e comunhões...



Vê-los-ão em lampiões

de fuscos, doridos ais,

meu passado, o nunca mais,

de quem cria, sensações...



A idade longa é mentira,

fantasia que se aspira

só para contar o tempo...



Canta João, tua lira,

sustente a triste mentira

de ser mentira de tempo.
 
 
 
 
 

VISITE SEMPRE O CANTINHO VIRTUAL DO ACAMPAMENTO DA POESIA DE ENTRE-ÍJUIS. http://acampamentodapoesia.blogspot.com/

POETAS DO ACAMPAMENTO DA POESIA DE ENTRE-IJUÍS

PARQUE DAS FONTES - ENTRE-IJUÍS - MISSÕES - RS

Lançamento do Livro Afluências 8 dos Poetas do Acampamento da Poesia por SolBatt